Inscrições até o dia 5 de setembro de 2018.

Para as pessoas que desejam realizar um processo seletivo para ingressar em uma instituição de ensino superior no estado do Paraná, uma importante faculdade está com o período de inscrições de seu vestibular aberto. Trata-se da Universidade Estadual de Londrina, a UEL. São mais de 2.000 oportunidades em diferentes cursos. Para saber todas as informações a respeito desse novo processo seletivo da UEL leia o texto abaixo.

Sobre as vagas no vestibular para os cursos de graduação da UEL

A Universidade Estadual de Londrina compõe o quadro de faculdades que ainda realizam o vestibular para a entrada de novos docentes. Para a adesão de novos alunos em 2019, a UEL abriu 2.521 novas vagas para cursos superiores em diferentes áreas e também em horários variados. A grande maioria dos cursos tem duração média de quatro anos. Para conferir todas as oportunidades oferecidas pela instituição confira a lista abaixo.

-100 vagas para Administração (matutino).

-50 vagas para Administração (noturno).

-70 vagas para Agronomia.

-60 vagas para Arquitetura e Administração.

-20 vagas para Arquivologia.

-35 vagas para Artes Cênicas.

-20 vagas para Artes Visuais (matutino).

-20 vagas para Artes Visuais (noturno).

-20 vagas para Biblioteconomia.

-15 vagas para Biomedicina.

-30 vagas para Ciências da Computação.

-50 vagas para Ciências Biológicas.

-35 vagas para Ciências Contábeis (matutino).

-70 vagas para Ciências Contábeis (noturno).

-25 vagas para Ciências Econômicas (matutino).

-50 vagas para Ciências Econômicas (noturno).

-20 vagas para Ciências Sociais (matutino).

-30 vagas para Ciências Sociais (noturno).

-30 vagas para Design de Modas.

-20 vagas para Design Gráfico.

-80 vagas para Direito (matutino).

-75 vagas para Direito (vespertino).

-80 vagas para Direito (noturno).

-20 vagas para Educação Física/ Licenciatura (matutino).

-20 vagas para Educação Física/ Licenciatura (noturno).

-60 vagas para Educação Física/ Bacharelado (matutino).

-60 vagas para Educação Física/ Bacharelado (noturno).

-50 vagas para Enfermagem.

-70 vagas para Engenharia Civil.

-40 vagas para Engenharia Elétrica.

-45 vagas para Farmácia

-35 vagas para Filosofia.

-25 vagas para Física/ Bacharelado (integral).

-25 vagas para Física/ Licenciatura (noturno).

-50 vagas para Fisioterapia.

-35 vagas para Geografia/ Bacharelado (matutino).

-35 vagas para Geografia / Licenciatura (noturno).

-30 vagas para História/ Licenciatura (matutino).

-30 vagas para História/ Licenciatura (noturno).

-20 vagas para Jornalismo (matutino).

-20 vagas para Jornalismo (noturno).

-40 vagas para Letras Inglês/ Licenciatura.

-20 vagas para Letras Espanhol/ Licenciatura.

-10 vagas para Letras Francês/ Bacharelado.

-50 vagas para Letras Português/ Licenciatura (vespertino).

-55 vagas para Letras Português/ Licenciatura (noturno).

-20 vagas para Matemática/ Bacharelado (matutino).

-30 vagas para Matemática/ Licenciatura (noturno).

-80 vagas para Medicina.

-70 vagas para Medicina Veterinária.

-20 vagas para Música.

-54 vagas para Odontologia.

-60 vagas para Pedagogia.

-60 vagas para Pedagogia.

-60 vagas para Psicologia.

-32 vagas para Química/ Bacharelado (integral).

-20 vagas para Química/ Licenciatura (noturno).

-20 vagas para Relações Públicas (matutino).

-20 vagas para Relações Públicas (noturno).

-20 vagas para Secretariado Executivo.

-35 vagas para Serviço Social (matutino).

-40 vagas para Serviço Social (noturno).

-20 vagas para Zootecnia.

Para quem desejar saber mais informações sobre os cursos, os interessados podem acessar o “Manual dos Candidatos” que pode ser consultado em. A partir da página 10.

Os métodos avaliativos adotados pela UEL para a escolha dos novos alunos

Os inscritos no vestibular da UEL vão inicialmente realizar duas avaliações. A primeira se trata de um teste de múltipla escolha com perguntas sobre conhecimentos gerais e o segundo exame composto por questões de conhecimentos específicos. Essa fase inicial acontece no dia 21 de outubro de 2018. O número de questões vai variar de acordo com o curso, para verificar essas informações, os inscritos devem acessar o “Manual do Candidato” cujo link foi disponibilizado acima. Essas informações estão na página 09.

Já para os indivíduos que vão pleitear uma oportunidade no curso de Música também vão realizar uma avaliação específica. Entretanto, para este grupo esse teste vai acontecer antes mesmo da fase inicial, a prova específica está marcada para a data de 30 de setembro de 2018. A fase posterior vai acontecer para alguns cursos em especial. Para as pessoas que vão concorrer a uma vaga nas graduações de: Design Gráfico, Arquitetura e Urbanismo, Design de Moda e Artes Visuais vão realizar exames específicos no dia 04 de dezembro de 2018.

Inscrições no processo seletivo da UEL

O período de inscrição para este processo seletivo vai ficar aberto até o dia 05 de setembro, através do site. A taxa é de R$ 150,00. A lista com o nome dos primeiros aprovados vai ser divulgada em 18 de janeiro de 2018.

Boa sorte!

Isabela Castro.

Inscrições até o dia 2 de dezembro de 2018.

Este segundo semestre de 2018 está chegando ao fim, e o período de vestibular está apenas começando. Universidades em todo o território nacional estão abrindo processos de seleção para vagas em diversos cursos.

Entre as grandes instituições prontas para o certame está a Universidade Católica do Estado de Pernambuco, a Unicap, a qual já abriu o período de inscrições destinadas à realização do novo Vestibular de 2019. Estão sendo abertas, oficialmente, em torno de 3.450 vagas para os 34 cursos de graduação. Todo cadastro deve ser registrado seguindo o procedimento estabelecido, exclusivamente por meio da internet, sendo que o prazo terá duração até o dia 2 de dezembro de 2018.

O valor da taxa exigida é de 150 reais para todos os estudantes.

Deste modo, todos os estudantes pertencentes à rede pública de educação contam com o direito a um desconto de até 50% no valor da taxa de inscrição. Para que isso seja possível, será necessário apresentar o devido certificado de conclusão do ensino médio diretamente à Comissão deste Vestibular, a COAVE. Observação importante: este documento exigido deverá ser apresentado à comissão antes do fim do prazo estabelecido de duração das inscrições.

Outra observação importante:

Todo candidato poderá, no ato da inscrição, caso seja de seu interesse, realizar a solicitação da utilização de sua nota de redação alcançada no Exame Nacional do Ensino Médio, o Enem. Porém, neste caso, apenas serão válidas as notas atingidas no Enem do ano de 2016 ou de 2017 e, ainda, todo estudante deverá participar, também, de uma prova objetiva neste Vestibular de 2019 da Unicap.

Sobre as provas, as informações são as seguintes:

De acordo com o Manual do Candidato, a partir do dia 12 do mês de dezembro de 2018, serão publicados para os estudantes todos os locais de realização das provas.

Os exames serão ministrados entre os dias 15 e 16 do mês de dezembro de 2018, em conformidade o curso e a modalidade de concorrência escolhida pelo próprio estudante, ou seja, o Vestibular Tradicional ou a avaliação que inclui a utilização da nota do Enem.

No site Vestibular Brasil Escola todos os estudantes poderão verificar o cronograma das provas.

Sobre as provas, as informações são as seguintes:

Todos os vestibulandos deverão responder um caderno contendo 50 questões objetivas, versando sobre um conteúdo programático próprio do ensino médio e, conforme for o caso, terão por tarefa suplementar a criação de uma redação, a qual deverá versar sobre o tema proposto.

No mesmo site os estudantes poderão conferir as provas e os gabaritos das outras edições.

Sobre o resultado as informações são as seguintes:

Os mesmos estão previstos para serem lançados na forma de uma relação completa dos aprovados, para a primeira chamada, em formato disponível a partir do dia 27 de dezembro de 2018.

O período das matrículas se dará entre os dias 3 e 4 do mês de janeiro de 2019. A Universidade Católica do Estado de Pernambuco, ou Unicap, deverá liberar, ainda, mais outras quatro em forma de reclassificações e de remanejamentos.

Este é um dos vestibulares mais esperados do ano, naquela região.

A conhecida Universidade Católica do Estado de Pernambuco, UNICAP, é mais popularmente chamada de Católica, e consiste em uma grande instituição de ensino superior privada, de caráter filantrópico e confessional, localizada na capital Recife. Fundada no dia 27 de setembro de 1951, a instituição foi reconhecida pelo próprio Governo Federal, por meio do Decreto nº 30.417 do dia 18 de Janeiro de 1952. A sua raíz remonta ao primeiro modelo de escola superior católica situado nas regiões norte e nordeste do Brasil, sendo a Faculdade de Filosofia; de Ciências e de Letras Manuel da Nóbrega, inaugurada no ano de 1943, pelos jesuítas.

Paulo Henrique dos Santos

Confira aqui os principais comentários e onde encontrar o Gabarito do Enem 2018.

No último domingo, dia 04 de novembro, uma grande parte, ou a maioria dos estudantes brasileiros, realizaram a primeira etapa de provas do Exame Nacional do Ensino Médio, o Enem de 2018.

Ao longo do primeiro dia de provas não foram registradas muitas ocorrências, salvo duas pessoas que foram detidas por estarem fazendo uso do ponto eletrônico, no Estado de Minas Gerais.

Outra questão relevante foi a das ausências registradas: em torno de 24,9% dos estudantes inscritos não compareceram aos locais designados para realizar o exame.

O registro indica que 71 dos candidatos terminaram eliminados deste Enem. Dois destes casos foram por conta de um ponto eletrônico na cidade de Montes Claros, Estado de Minas Gerais. A média geral de casos foi de 150 aproximadamente, conforme a nota publicada pelo ministro da Educação.

Outros registros indicam que em dois locais a prova terminou por ser interrompida devido a uma momentânea falta de energia elétrica na cidade Franca, Estado de São Paulo e na cidade de Porto Nacional, no Estado do Tocantins. Estas são as informações essenciais no que toca aos problemas.

Por outro lado, 75,1% dos estudantes inscritos participaram deste Enem. Entretanto, de acordo com a presidente do Inep, este ano de 2018 registrou uma taxa que é a menor na série mais recente do Enem. Ainda assim, o ministro da Educação fez lembrar que esse mesmo percentual é um resultado obtido em um período registrado após as devidas mudanças no edital, que visam evitar as faltas de modo mais preciso.

Em torno de 10,55% dos estudantes candidatos não usufruíram do acesso ao cartão de confirmação, o que resultou na situação em que muitos não tinham como saber os locais onde deveriam realizar as provas.

De acordo com a mesma presidente do Inep, a determinação do tema da redação constituiu algo muito bem colocado pela equipe.

Portanto, o Enem de 2018, em seu primeiro dia de itinerário, não resultou em grandes dificuldades, conforme declaração oficial do ministro da Educação.

Deste modo, passemos a alguns aos detalhes das provas:

O tema da redação versou sobre o tema: ‘manipulação do comportamento do usuário pelo controle de dados na internet’.

Um dos melhores comentários lançados sobre a redação do Enem de 2018 pode ser resumido no seguinte:

Dado que o tema deste Enem 2018 foi a chamada “Manipulação do comportamento de usuário pelo controle de dados na internet”, tratou-se, portanto, de discorrer sobre esta prática muito comum em nações como a China e a Rússia. Na produção desta redação, estava em aberto uma série de referências, inclusive uma possível alusão a Edward Snowden, o qual fez vazar as informações importantes sobre como parte do governo dos EUA estava controlando a política internacional por meio do dito monitoramento em cima dos dados na internet. Cada candidato poderia fazer referência ao clássico da literatura contemporânea, 1984, de George Orwell, cuja história narra a vida dos seres humanos sendo monitorada por um poder totalitário projetado por meio de tele telas. Assim, a referida coletânea se referia aos algoritmos e aos filtros em toda a internet, e sobre a utilização da mesma internet como meio de se comunicar com os amigos. Entretanto, esta produção não permitiu tocar no tema do marco civil da Internet e da chamada: Lei da Privacidade, que não contemplaram em suas pautas as novas modalidades de infração citadas, já que o tema não era a chamada fake News.

Os estudantes responderam a noventa questões nas áreas de Linguagens e Códigos e na de Ciências Humanas.

São diversos sites publicando atualizações a cada instante. Aqui estão duas fontes atualizadas sobre as demais informações e o gabarito: G1 e Revista Veja.

Paulo Henrique dos Santos

Prazo de inscrição termina no dia 6 de dezembro de 2018.

O segundo semestre de 2018 está chegando ao seu quinto mês, novembro, e o período de vestibular está oficialmente aberto em todas as universidades e faculdades do Brasil. Este é o momento do ano que precede o período de férias e no qual todos os estudantes devem se manter atentos e dedicados ao estudo.

Assim, já está aberto o prazo para o cadastro de inscrições gratuitas no Vestibular de 2019 promovido pela Faculdade Católica do Tocantins, ou a Católica-TO. Esta mesma instituição de ensino também abre prazo para o tipo de seleção dita: Processo Seletivo Itinerante, que é organizado em datas flexíveis, nas quais as provas são realizadas em conformidade com a cidade onde serão ministradas; também está incluso o aproveitamento pela avaliação das notas do Exame Nacional do Ensino Médio, ou Enem; a devida análise em torno do histórico escolar do candidato e a prova pré-programada.

Todos os prazos destinados aos cadastros flexibilizam-se em perfeita conformidade com as modalidades determinadas por cada um dos estudantes candidatos.

Sobre a inscrição, as informações seguem logo abaixo:

O acima descrito Vestibular Itinerante funciona do seguinte modo: as inscrições, no geral, encerram a cada 72 horas que precedem o dia de prova a ser realizada em cada cidade que constitui opção do estudante candidato. Neste caso, a organização distributiva das provas é a seguinte:

Prazo máximo das inscrições que terminam no dia 15 do mês de novembro:

Município de Santana do Araguaia, Estado do Pará; município de Caseara, Estado do Tocantins; no município de Divinópolis, Estado do Tocantins; no município de Formoso do Araguaia, Estado do Tocantins; no município de Gurupi, Estado do Tocantins; no município de Dianópolis, Estado do Tocantins; no município de Natividade, Estado do Tocantins; no município de Guaraí, Estado do Tocantins; no município de Pedro Afonso, Estado do Tocantins e no município de Vila Rica, Estado de Mato Grosso.

Prazo máximo das inscrições que terminam no dia 6 de dezembro:

No município de Redenção, Estado do Pará; no município de Xinguara, Estado do Pará e no município de Conceição do Araguaia, Estado do Pará.

Para todas as demais modalidades programadas para o itinerário deste Vestibular, o prazo de inscrição termina, oficialmente, no dia 30 do mês de janeiro de 2019.

Portanto, neste Vestibular Itinerante a organização da realização das provas se dará no dia 18 de novembro, conforme segue:

Município de Santana do Araguaia, no Pará, município de Caseara, em Tocantins; município de Divinópolis, em Tocantins; município de Formoso do Araguaia, em Tocantins; município de Gurupi, em Tocantins; município de Dianópolis, em Tocantins; município de Natividade, em Tocantins; município de Guaraí, em Tocantins; município de Pedro Afonso, em Tocantins e município de Vila Rica, em Mato Grosso.

As provas previstas para o dia 9 de dezembro seguem as cidades:

Município de Redenção, Estado do Pará; município de Xinguara, Estado do Pará e em Conceição do Araguaia, Estado do Pará.

Sobre a avaliação do Enem, todos os estudantes deverão apresentar a devida pontuação alcançada entre uma das edições realizadas entre os anos de 2015 e 2017.

A devida apresentação do histórico escolar para a devida avaliação do conjunto de notas registradas no ensino médio.

A totalidade de resultados para todas as modalidades que fazem parte deste Vestibular estarão devida mente divulgados para os estudantes depois de 72 horas da realização dos testes, via e-mails.

As vagas a serem distribuídas neste vestibular são em número de 700 cadeiras, destinadas ao primeiro semestre de 2019. Faculdade de Administração; de Agronomia; faculdade de Arquitetura e Urbanismo; de Ciências Contábeis; faculdade de Direito; de Engenharia Ambiental e Sanitária; de Engenharia Civil; de Engenharia da Produção; faculdade de Engenharia Elétrica; de Medicina Veterinária; de Sistemas de Informação e faculdade de Zootecnia.

Paulo Henrique dos Santos

Confira aqui a lista de instituições de Minas Gerais com vagas no Sisu 2019.

Se você mora no estado de Minas Gerais e está buscando uma vaga em uma universidade federal, você está entre as pessoas com mais chances de conseguir a vaga dentre os milhões de brasileiros. O motivo disso é que, dentre as 26 unidades federativas que estão disponibilizando vagas em 2019, Minas Gerais é a que tem o maior número de universidades cadastradas.

Nada menos do que dezenove institutos e universidades têm vagas distribuídas em sessenta municípios do estado das Minas Gerais. Se você estudou em escolas públicas terá direito a participar do processo seletivo como cotista.

Veja abaixo algumas instituições onde você poderá se inscrever no SiSU 2019:

CEFET de Minas Gerais

O Centro Federal de Educação Tecnológica de Minas Gerais (CEFET – MG), fundado há 108 anos (em setembro de 1910), está com setecentas e duas vagas disponíveis. Dessas vagas, trezentas e cinquenta e uma são para estudantes cotistas. Há vagas para duas unidades de Belo Horizonte e para unidades dos municípios de Curvelo, Araxá, Varginha, Timóteo, Nepomuceno, Leopoldina e Divinópolis.

IFTM

O Instituto Federal do Triângulo Mineiro, fundado há 10 anos (em dezembro de 2008), está oferecendo setecentas e noventa e cinco vagas. Dentre elas, quatrocentas e setenta e sete são oferecidas pela Lei de Cotas e quarenta e seis para ações afirmativas.

IFMG

O Instituto Federal de Minas Gerais tem mil e quinze vagas disponíveis. Dentre essas vagas, quinhentas e doze são para estudantes cotistas.

UNIMONTES

A Universidade Estadual de Montes Claros, fundada há 56 anos (em maio de 1962), está com a oferta de mil cento e sessenta e nove vagas. Dentre essas, são quinhentas e sessenta e seis vagas para ações afirmativas.

UNIFAL

A Universidade Federal de Alfenas, fundada como “Escola de Farmácia e Odontologia de Alfenas” há 104 anos (em abril de 1914) e rebatizada para UNIFAL – MG há 13 anos e meio (em julho de 2005), está oferecendo mil e cinquenta e sete vagas no total. Dentre elas, serão quinhentas e vinte e nove reservadas para estudantes cotistas.

UFMG

A Universidade Federal de Minas Gerais, universidade com 91 anos de história, fundada no dia do 105º aniversário da declaração de independência do Brasil (em 7 de setembro de 1927), tem três mil, cento e sessenta e sete vagas disponíveis, sendo três mil, cento e setenta e duas delas para candidatos cotistas.

UFU

A Universidade Federal de Uberlândia, fundada há 62 anos (em janeiro de 1957), tem três mil, duzentas e dezenove vagas para 2019. Dentre essas vagas, mil, seiscentas e dezoito são destinadas à Lei das Cotas.

As vagas estão distribuídas em vários campi. Os locais onde as vagas estão distribuídas são: Câmpus de Santa Mônica, Câmpus Educação Física e Câmpus Umuarama, localizados no município de Uberlândia; Câmpus de Monte Carmelo; município de Patos de Minas; e Câmpus de Pontal, que fica em Ituiutaba.

UFTM

A Universidade Federal do Triângulo Mineiro, fundada há 65 anos (abril de 1953) como Faculdade de Medicina do Triângulo Mineiro e depois rebatizada para Universidade Federal do Triângulo Mineiro, está oferecendo para o ano que entra, nada menos do que novecentas e oitenta e quatro vagas. Desse total, serão quatrocentas e noventa e três vagas reservadas para cotistas. Se você for aprovado para iniciar seus estudos nessa universidade, você estudará em um dos seguintes locais: Centro Educacional, Unidade I, Unidade Manoel Terra, Hospital das Clínicas – Uberaba; e Iturama.

UFVJM

A Universidade Federal dos Vales do Jequitinhonha e Mucuri, fundada há 65 anos (em setembro de 1953) com o nome de Faculdade de Odontologia de Diamantina, mudou de nome há 13 anos (em setembro de 2005) para o seu nome atual. Esta universidade está oferecendo seiscentas e trinta e nove vagas no total. Desse total, serão trezentas e trinta e três vagas validadas pela Lei de Cotas.

Como Se Inscrever?

Para se inscrever você precisa ter feito o ENEM em 2018. Veja informações detalhadas diretamente no site do MEC clicando aqui. ​​​​

Por Bruno Rafael da Silva

Interessados devem realizar as inscrições até o dia 21 de novembro de 2018.

Novos processos seletivos estão sendo abertos nesse segundo semestre de 2018, tempo de vestibular. Deste modo, o Insper, no Estado de São Paulo, já abriu o período de inscrições para o Vestibular de 2019. O procedimento de seleção tradicional estabelece prazo de inscrição até o dia 21 do mês de novembro de 2018. O valor da taxa é de 200 reais. Os estudantes que vão ingressar no vestibular por meio do Exame Nacional do Ensino Médio, o Enem, terão participação no valor de 50 reais, até o dia 10 do mês de janeiro de 2019.

O Insper ou Instituição de Ensino Superior Brasileira consiste em uma universidade especializada, que atua nas áreas de negócios, de economia, de direito, de engenharia mecânica, de engenharia mecatrônica e de engenharia da computação.

Assim, o Insper está abrindo em torno de 399 vagas para o Vestibular de 2019. Deste total de cadeiras, um número de 24 delas estão previamente reservadas para os candidatos com ingresso por meio do Enem. O conjunto total de vagas disponíveis se divide da seguinte maneira:

Para o curso de Administração são 150 vagas por meio das provas e 10 por meio do Enem; para o curso de Ciências Econômicas são 75 vagas por meio das provas e mais 5 por meio do Enem; para o curso de Engenharia da Computação são 50 vagas por meio das provas e mais 3 por meio do Enem; para o curso de Engenharia Mecânica são 50 vagas por meio das provas e mais 3 por meio do Enem e para o curso de Engenharia Mecatrônica são 50 vagas por meio das provas e mais 3 por meio do Enem.

O efetivo ingresso dos estudantes neste processo de seleção está agendado para o primeiro semestre do ano de 2019.

Sobre o itinerário deste certame seguem as informações:

A etapa primeira deste Vestibular do Insper se dará no dia 14 de dezembro de 2018, em dois turnos, ou seja, no período matutino serão distribuídos os cadernos com 30 questões objetivas versando sobre língua Portuguesa e mais duas redações; no período vespertino todos os candidatos deverão responder a 35 perguntas objetivas sobre as matérias de análise quantitativa e de lógica.

Todos os vestibulandos selecionados e convocados para a segunda etapa terão seus nomes divulgados a partir do dia 14 do mês de janeiro de 2019. Todos os estudantes selecionados participarão das atividades previamente agendadas até o dia 16 do mesmo mês de novembro. Os vestibulandos classificados serão encaminhados para esta fase definitiva entre os dias 19 e 23 do mesmo mês de novembro.

A segunda etapa deste Vestibular se dará para todos os classificados nas anteriores provas gerais da seleção e por meio da avaliação das notas conquistadas no Enem. A etapa definitiva deste processo seletivo se dará em cima das competências chamadas sócio-emocionais de todos os vestibulandos, abrangendo a realização do exame oral e da dinâmica entre grupos a respeito de temas polêmicos atuais, e todo esse conjunto de atividades será devidamente observado e analisado por uma banca especializada.

O resultado final definitivo do Vestibular de 2019 promovido pelo Insper tem data de publicação previa para o dia 1º do mês de fevereiro de 2019. Todos os estudantes aprovados terão suas matrículas realizadas até o dia 4 do mesmo mês. Com relação à segunda chamada de candidatos, informações serão publicadas no dia 5 do mesmo mês de fevereiro e o seu registro acadêmico se dará num prazo que se estenderá até o dia 7, na sequência.

Este é um dos vestibulares mais importantes do ano.

Paulo Henrique dos Santos

Provas serão aplicadas no dia 25 de novembro de 2018.

O Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Fluminense aplicará a segunda fase das provas do Vestibular 2019, válidas para o primeiro semestre.

Para quem gosta de dormir é bom prestar atenção nos horários, já que a prova terá início às 8:30, entretanto, são exigidas a pontualidade de no mínimo uma hora, ou seja, 7 horas e 30 minutos deverão já estar no local onde serão realizadas as provas.

Vale lembrar que não basta apenas levar os documentos de identidade, o cartão de confirmação e caneta esferográfica de tinta preta, como são exigidas também para prestar o ENEM.

Exigência da prova

Como de costume, é exigida uma prova de redação para poder ser redigida com clareza, objetividade, argumentação precisa e solução para o problema apresentado. A segunda fase é válida para os seguintes cursos: Arquitetura e Urbanismo, Música e Design Gráfico.

A prova tem caráter simples, já que para passar à segunda fase do IFF era necessário ao menos ter acertado 20% da prova, sem ter zerado nenhuma das questões de conhecimento. Nesta segunda fase, a prova terá duração máxima de duas horas.

Vagas e o resultado

Neste ano serão ofertadas cerca de 522 vagas, sendo que a metade será destinada a pessoas que possuem cotas, além de estudantes de escolas públicas, pretos, pardos, indígenas e quem possui algum tipo de deficiência, seguindo as normas protocolares da maioria das universidades.

O resultado final sairá no dia 13 de dezembro e o prazo de matrícula serão entre os dias 13 e 15 de janeiro.

Dicas para se dar bem na prova

Uma das questões mais complicadas para todo estudante que quer passar em uma universidade federal é justamente como vai se preparar para a prova.

A tão temida prova não tem erro, mas é necessário preencher certos requisitos fundamentais para se sair bem nos vestibulares no geral. O primeiro deles são os mapas mentais.

Os mapas mentais servem como organogramas ou nas categorias de lógica, ou seja, existe um parâmetro a ser seguido para conseguir extrair todo conteúdo que deve ser revisado, aprimorado e entendido da melhor forma possível.

Além disso, estes mapas servem como auxiliadores para fugir um pouco do habitual, ao invés de ler muito e entender pouco. Vale recordar que antes de mais nada, o que vale a um estudante não é válido para outro, ou seja, cada caso é um caso.

Para questões que envolvem exatas, é necessário ver os conhecimentos mais complicados de serem compreendidos logo de cara, entre eles, matérias de química do terceiro ano como hidrocarbonetos e funções químicas, matérias que normalmente a maioria dos candidatos possuem certa dificuldade.

Na tão temida física, é bom recordar temas como movimento retilíneo uniforme, movimento retilíneo uniforme variado, óptica e toda parte dos circuitos elétricos.

Na parte de matemática é válido recordar tanto geometria espacial quanto analítica, onde a maioria dos estudantes possuem um grau de dificuldade maior, assim como questões de trigonometria, que são cobrados em extrema frequência, eliminando muitos alunos por não compreenderem da maneira correta o problema apresentado.

Quanto as questões de linguagens, é válido dividir em duas grandes partes. A primeira parte é ler bastante todas as questões (isso em sua preparação) para chegar na hora da prova e aguentar o pique das perguntas complicadas e sugestivas que induzem o candidato ao erro a todo instante.

Na segunda parte é bom recordar as questões ambíguas e interpretar Mafalda, Haron e Calvin com perfeição.

A partir dessas dicas é possível que o candidato saia melhor preparado e, por conseguinte, saia das provas mais tranquilo e com a consciência de que realizou um grande exame, com chances de passar sem maiores dificuldades, independente do resultado de seus concorrentes.

Inscrições serão recebidas até o dia 19 de novembro de 2018.

A Universidade do Vale dos Rios dos Sinos (Unisinos), do Rio Grande do Sul, está com inscrições abertas para o vestibular de verão. Que tal aproveitar a oportunidade? No total, estão sendo oferecidas mais de 8 mil vagas tanto em cursos presenciais quanto à distância.

Além disso, o ENEM pode ser usado para a seleção. O valor da taxa de participação é de R$ 40,00 e as inscrições ficam abertas somente até o dia 19 de novembro. O último dia para o pagamento do boleto é dia 20 de novembro, por isso, os candidatos devem ficar atentos.

Processo seletivo Unisinos

O processo de seleção será composto pelas fases:

– Vestibular tradicional composto por provas objetivas e redação

– Processo de seleção alternativo em que pode ser feito redação ou também a utilização da nota da ENEM, para candidatos com ou mais de 25 anos de idade.

– ENEM

– Se o candidato optar pelo curso à distância, poderá escolher entre o uso da redação ou também a prova do ENEM.
Vestibular Unisinos

A prova do vestibular está prevista para acontecer no dia 24 de novembro, a partir das 09h. A prova objetiva será composta por 23 questões e no total valerá 10 pontos, sendo:

– 5 questões de prova de português

– 4 questões de ciências humanas e cultura em geral, que inclui disciplinas como geografia, história, literatura e filosofia.

– 7 questões sobre ciências exatas, que inclui matemática e física.

– 4 questões relacionadas à Ciência da Natureza, que abrange disciplinas como biologia e química.

– 3 questões que contemplam Língua estrangeira, em que o candidato pode optar por espanhol ou inglês.

Em relação à prova de redação do processo de seleção da Unisinos, tem o valor de 10 pontos e vai abranger a produção de um texto de caráter argumentativo que deve ter entre 30 e 35 linhas.

O candidato poderá escolher entre um dos dois temas que serão oferecidos e para contextualizar a prova terá textos e informações que focam os principais aspectos relevantes. Serão avaliados diversos critérios como, por exemplo, o conteúdo, a adequação linguística, a apresentação e a escrita de todo o texto deve ser feito a caneta, pois provas feitas a lápis serão anuladas.
Vagas do processo de seleção

A Universidade está oferecendo um total de 8.340 vagas, que serão distribuídas nos campi de São Leopoldo e Porto Alegre, além dos polos relacionados ao ensino à distância. A lista com os aprovados e os suplentes está prevista para ser publicada no dia 28 de novembro, a partir das 14h.

O início das aulas está previsto para acontecer no dia 25 de fevereiro. As inscrições podem ser feitas por meio do link: http://www.unisinos.br/vestibular/sobre-vestibular.
Dicas de estudo:

– Leia todo o edital do programa com atenção. Fique atento aos prazos para não perder nenhuma data importante.

– Nesta reta final, faça um cronograma de estudo. Faça uma avaliação crítica do seu desempenho nos conteúdos e tente identificar as disciplinas que está mais fraco, para fazer uma revisão e melhorar o seu desempenho. Conhecer os seus pontos fortes e fracos é fundamental para seu sucesso.

– Além do estudo, separe um tempo para fazer atividade física, pois isso vai ajudar a aliviar o nervosismo e a ansiedade. A grana está curta? Invista em uma caminhada. É gratuita e faz muito bem a sua saúde.

– Faça simulados para treinar o seu desempenho. Por meio deles, você terá uma noção de como está em cada conteúdo.

– No dia da prova, mantenha a calma e a tranquilidade. Lembre-se de que você fez a sua parte da melhor forma e confie no seu potencial.

Compartilhe a notícia do processo seletivo Unisinos nas suas redes sociais e sucesso!

Estão abertas as inscrições para segundo semestre do Vestibular Cederj.

A grande maioria das faculdades do Brasil que utilizam o vestibular como processo seletivo já realizaram ou estão em fase final de realização dos processos admissionais para o primeiro semestre. Com isso, muitas já estão divulgando informações sobre os vestibulares para o segundo metade do ano. E uma instituição que está com o período de inscrições abertos para a incorporação de novos estudantes é o Cederj, Centro de Educação Superior a Distância do Estado do Rio de Janeiro. São mais de 7.000 oportunidades, cujo período de participações termina no dia 09 de maio de 2019. Veja as informações no texto abaixo.

A respeito das mais de 7.000 vagas oferecidas pelo processo seletivo do Cederj

Para que as pessoas que não possuem informações sobre o Cederj, essa instituição é formada pela união de outras fundações de ensino superior do Rio de Janeiro, que são: UniRio, Uenf, Uerj, UFRRJ, UFF, Cefet-RJ e UFRJ. Para o segundo período do ano foram disponibilizadas 7.684 oportunidades. Para conferir o número de vagas e quais graduações estão sendo oferecidas confira a lista abaixo:

– Licenciatura:

200 vagas para História.

240 vagas para Geografia.

330 vagas para Letras.

335 vagas para Turismo.

338 vagas para Química.

375 vagas para Física.

830 vagas para Matemática.

916 vagas para Biologia.

1080 vagas para Pedagogia.

– Bacharelado:

240 vagas para Ciências Contábeis.

400 vagas para Administração Pública.

400 vagas para Engenharia de Produção.

711 vagas para Administração.

– Tecnologia:

250 vagas para Gestão em Turismo.

529 vagas para Computação.

540 vagas para Segurança Pública.

É importante ressaltar que na modalidade “Tecnologia”, o curso de Segurança Pública é voltado exclusivamente para profissionais das seguintes categorias: bombeiros, forças armadas, policiais (civis, federais, rodoviários, e militares), agentes penitenciários, guardas municipais do estado do Rio de Janeiro. Servidores que são policiais civis, militares e agentes portuários de outras localidades do Brasil também podem se inscrever. Docentes do ensino público carioca também podem participar. Para essa última categoria, o edital traz todos os dados. As informações estão na página 2, no item “2. DAS VAGAS”. O edital pode ser acessado por meio do seguinte link: http://cederj.edu.br/vestibular/cederj-oferece-mais-de-7-mil-vagas-na-graduacao.

Mesmo que as aulas aconteçam a distância, os estudantes contam com apoio por meio de polos que estão espalhados em diferentes cidades do Rio de Janeiro. Veja agora a relação de todos os municípios: Rio Bonito, Miracema, Nova Iguaçu, Belford Roxo, São Francisco de Itabapoana, Itaocara, Magé, Petrópolis, Angra dos Reis, Volta Redonda, Natividade, Piraí, Itaperuna, Santa Maria Madalena, Nova Friburgo, Barra do Piraí, Niterói, Três Rios, Duque de Caxias, São Gonçalo, Bom Jesus do Itabapoana, Rocinha, Cantagalo, Saquarema, Miguel Pereira, Itaguaí, Paracambi, Campo Grande, São Pedro da Aldeia, Resende, São Fidélis, Macaé e Rio das Flores.

Para verificar o curso em cada um dos polos citados acima, basta mais uma vez consultar o edital. Essa listagem também está no tópico “2. DAS VAGAS”. Entretanto, o guia encontra-se a partir da página 3.

Informações sobre a única avaliação que será aplicada no vestibular do Centro de Educação Superior a Distância do Estado do Rio de Janeiro

Os interessados vão precisar participar de apenas uma etapa. Essa fase vai ser caracterizada por um teste de 60 perguntas sobre os seguintes conteúdos: história, geografia, química, matemática, física, biologia, espanhol ou inglês, literatura brasileira e língua portuguesa. Como parte da prova, eles vão precisar escrever uma redação e também responder algumas questões específicas. Veja a seguir os cursos que pedem conteúdos próprios:

– Tecnologia em Turismo, História e Licenciatura em Turismo: história e geografia.

– Geografia: geografia, literatura brasileira e português.

– Tecnologia em Segurança Pública: história, literatura e português.

– Química: química.

– Letras e Pedagogia: literatura e português.

– Matemática: matemática.

– Engenharia de Produção, Tecnologia em Sistemas de Computação e Física: física e matemática.

– Ciências Biológicas: química e biologia.

– Ciências Contábeis, Administração Pública e Administração: matemática e história.

Como mencionado no parágrafo introdutório à avaliação ocorre em 09 de maio e ela terá início às 9 horas. Já para as pessoas que não desejam realizar a prova e vão optar pela nota da última edição do Exame Nacional do Ensino Médio, ou seja, ENEM 2018. Cerca de 30% das vagas estão reservadas. É importante salientar que caso escolha essa opção, os interessados não vão poder escolher nenhum tipo de cota. Por fim, é importante salientar que o Cederj também desenvolveu um “Manual do Candidato”. Esse documento também está disponível no link em que o edital foi cedido. O site foi disponibilizado no tópico anterior.

Inscrições para o vestibular do segundo semestre do Cederj

As inscrições devem ser efetuadas por meio do link: http://www.provaecomprova.com/vestcederj/inscricao. O valor para a taxa de participação foi fixado em R$ 88,00, o pagamento da taxa deve ser feito até 08 de maio de 2019. Boa sorte!

Por Isabela Castro