Enade 2017 – Data da Prova, Cursos Avaliados e Quem deve Fazer

  

  

Confira aqui todos os detalhes sobre o Enade 2017.

O Exame Nacional de Desempenho de Estudantes (Enade) é uma prova que avalia alguns aspectos da formação de profissionais ao nível universitário. Aplicada trienalmente a um conjunto amostral de estudantes, ingressantes e concluintes, os resultados são comparativos, ou seja, a avaliação do Ensino Superior se dará pelos resultados alcançados pelos formandos ou recém-formados em relação ao que acabaram de entrar no cursos listados.

O Enade faz parte de um conjunto de avaliação denominado Sistema Nacional de Avaliação do Ensino Superior (Sinaes), que objetiva, segundo o Portal do Ministério da Educação, avaliar o ensino, a pesquisa, a extensão, a responsabilidade social, a gestão da instituição e o corpo docente das universidades, faculdades e centro universitários de todo o país. Esse processo é importante a fim de garantir a homogeneidade da formação em diferentes locais do país e a constante melhoria da qualidade do ensino superior no Brasil.


Em 2017, o Enade será aplicado no dia 26 de novembro, durante quatro horas, em que o estudante terá que responder dez questões (oito de múltipla escolha e duas discursivas) sobre componentes de Formação Geral e mais trinta questões (vinte e sete de múltipla escolha e três discursivas) acerca de conhecimentos específicos de cada curso. Para não ficar sem o diploma, o estudante precisa fazer seu cadastro no Portal do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), responsável pela operacionalização e aplicação do Exame.

Os cursos avaliados na edição desse ano são os bacharelados em Arquitetura e Urbanismo, Engenharia Ambiental, Engenharia Civil, Engenharia de Alimentos, Engenharia de Computação, Engenharia de Controle e Automação, Engenharia de Produção, Engenharia Elétrica, Engenharia Florestal, Engenharia Mecânica, Engenharia Química, Engenharia e Sistemas de Informação; também foram incluídos os cursos de bacharelado e/ou licenciaturas em Ciência da Computação, Ciências Biológicas, Ciências Sociais, Filosofia, Física, Geografia, História, Letras-Português, Matemática e Química. As licenciaturas em Artes Visuais, Educação Física, Letras-Português, Espanhol, Letras-Português e Inglês, Letras-Inglês, Música e Pedagogia constituem o terceiro conjunto de cursos de graduação que serão avaliados pelo Enade e o último conjunto são os cursos tecnológos em Análise e Desenvolvimento de Sistemas, Gestão da Produção Industrial, Redes de Computadores e Gestão da Tecnologia da Informação.

Mas, afinal, quem entra ou não na lista do Enade? Existem quatro categorias de estudantes que são obrigados a fazer a prova esse ano: o primeiro são de estudantes calouros, ou seja, que ingressaram nos cursos referidos em 2017 e que tenham menos de 25% da carga horária total do curso até o fim das inscrições para o Exame.

  

O segundo conjunto é de estudantes concluintes nas graduações em nível de bacharelado e licenciatura – para estes a previsão de conclusão deve ser até julho de 2018 ou que tenham cumprido 80% ou mais da carga horária total de seus cursos; aqueles estudantes que já cumpriram 75% ou mais da carga horária de cursos técnicos ou ainda que têm previsão de se formar até dezembro de 2017.

Por último estão os estudantes chamados de ingressantes ou concluintes irregulares, que por não terem se inscrito ou por não fazerem a prova em anos anteriores, exceto de não coincidência entre o ano de realização do Enade e o ano de ingresso ou conclusão. O curso não possuir Diretrizes Curriculares Nacionais; de saúde, mobilidade acadêmica ou questões pessoais ou por não inscrição da instituição de ensino.

Se você se encaixa no perfil descrito, fique atento aos prazos e exigências do Enade! Você não vai querer ficar sem seu tão esperado diploma por conta de uma prova, não é mesmo?! Então acesse o portal do Enade e saiba mais!

Mateus de Faria





Postar Comentário